Mecias critica MP que pretende repassar ônus do apagão no Amapá para os consumidores brasileiros

O senador Mecias de Jesus (Republicanos-RR) criticou no Twitter a Medida Provisório proposta pelo presidente Bolsonaro para isentar os amapaenses do pagamento da conta de energia, repassando para a população brasileira o ônus do prejuízo.

Conforme a MP, a conta será rateada para todos os brasileiros, o que Mecias considera injusto.

“A responsabilidade da compensação tem que ser das empresas geradoras e distribuidoras de energia”, defendeu o parlamentar roraimense.

No entendimento de Mecias de Jesus, o ideal é a Câmara dos Deputados aprovar com urgência o PL 5.187/2020 do senador Lucas Barreto do qual o político roraimense foi relator no Senado e, imediatamente, o presidente da Jair Bolsonaro sancionar a lei.

“Assim, o governo está atribuindo a responsabilidade aos verdadeiros culpados”, disse Mecias.

Envie sua sugestão de pauta para o Blog

Conversar no WhatsApp

#EnergianoAmapá #PolíticaNacional #ApagãonoAmapá #CaosEnergético #MeciasdeJesus

Comente este post