ALERR aprova pacote de medidas econômicas do governo contra efeitos da pandemia

Os deputados estaduais aprovaram nesta terça-feira (9), durante a sessão plenária da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), um pacote de medidas apresentado pelo Governo do Estado para amenizar os efeitos econômicos causados pela pandemia da covid-19. Os projetos aprovados seguem para sanção governamental.

As ações estão distribuídas em quatro projetos de lei. O presidente da ALE-RR, Soldado Sampaio (PCdoB), explicou que antes de serem votadas, as matérias passaram por uma comissão especial que avaliou os aspectos legais e constitucionais.

“Foram projetos debatidos na comissão, em consenso dos deputados, e aprovados por unanimidade. Então, esta Casa Legislativa fez o seu papel de discutir as matérias, votar e reconhecer que esses projetos, de fato, fortalecem a economia do Estado”, disse o presidente.

O primeiro projeto analisado garante a isenção do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação) em mais de 100 itens, entre materiais e equipamentos contra covid-19. A proposta é dispensar esse imposto das compras ou doações recebidas pelo Poder Público como de remédios, materiais e prestações de serviço de transporte.

Segundo a matéria, a isenção se baseia no convênio ICMS nº 63/20 aprovado pelo Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária), que autorizou o Distrito Federal e mais 15 estados a concederem essa medida.

Outro projeto busca reduzir o ICMS do querosene de aviação. O Poder Executivo justificou que a medida incentiva o aumento de voos disponibilizados pelas companhias aéreas para Roraima. “Tal estímulo permanecerá promovendo o turismo, o crescimento dos empreendimentos privados e o acesso, por parte da população roraimense, às diversas regiões do país”, diz a mensagem governamental.

O terceiro projeto reduz ou até dispensa o pagamento de juros e multa decorrentes do atraso no pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores). As reduções variam de 40% a 100% dos juros e das multas, considerando o número de parcelas e a natureza do crédito. Quanto menor a quantidade de parcelas, maior será o desconto.

Por último, foi aprovado ainda o projeto de incentivo tributário a estabelecimentos industriais com fabricação de óleos vegetais e biocombustíveis. A proposta é fomentar a prática e gerar renda para a região.

Serviço voluntário indenizado

Também foi aprovado na sessão desta terça-feira (9) o projeto de lei complementar que autoriza o pagamento de horas de Serviços Voluntário Indenizado (SVI) aos policiais militares do Tribunal de Justiça de Roraima (TJRR). A aprovação contou com 14 votos favoráveis e altera a Lei do Quadro de Pessoal e o Plano de Carreira dos Servidores do Poder Judiciário.

Os policiais militares enquadrados no SVI realizam atividades como segurança de custódia, nas Comarcas do TJRR na Capital e no interior, acompanham as audiências da Sessão Criminal e do Tribunal Pleno e realizam a escolta e segurança dos magistrados quando estes se encontram em situação de ameaça.

MPC

Antes da sessão ordinária desta terça-feira, uma Comissão Especial analisou o projeto de lei oriundo do Ministério Público de Contas para criação de cargos comissionados naquele Poder.

Na sessão, a matéria foi aprovada com 17 votos. Por deter orçamento próprio, o MPC-RR justificou que é viável a criação de cargos em comissão, sendo dois assessores especiais de engenharia, dois assessores especiais de área de saúde, um assessor de tecnologia da informação, um chefe de gabinete da Corregedoria e um chefe de gabinete da Ouvidoria.

Com informações da Superintendência de Comunicação da Assembleia Legislativa de Roraima

Está gostando do nosso conteúdo? Compartilhe nas suas redes!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
LUIZ VALÉRIO
LUIZ VALÉRIO

Jornalista e Podcaster. Este Blog, que edito há 18 anos, é uma singela contribuição para a sociedade. É uma espécie de "jornal pessoal" por onde tento provocar o debate sobre assuntos inadiáveis para Roraima e para o Brasil. Também edito o Podcast Direto ao Ponto, que vai ao ar todas as semanas e você também pode ouvir aqui.

Todos os posts

Posts recentes: