Boa Vista inicia programação de prevenção contra a o HIV/Aids, no dezembro vermelho

A partir desta terça-feira (1º de dezembro), Dia Mundial de Luta contra a Aids, a Prefeitura de Boa Vista inicia uma vasta programação para convocar a sociedade a lutar contra a doença. O objetivo é promover a conscientização e a prevenção. Em 2020 foram registrados até o momento, 239 casos de Sífilis, 249 de HIV/AIDS e 62 de Hepatites virais.

Durante o mês de dezembro, as unidades básicas de saúde (UBS) vão intensificar, cada uma em datas e horários diferenciados, palestras informativas abordando HIV, Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST).

Também será feita a oferta de testes rápidos, distribuição de folders e preservativos feminino e masculino e panfletagem em algumas avenidas.

Ouça os podcasts do Blog

Direto ao Ponto – A crônica bem humorada da política roraimense

Macuxicast – A arte e a cultura amazônidas em evidência

“A ideia é reforçar a importância da prevenção e tratamento, orientar quais são os serviços e cuidados disponíveis na atenção primária a esses pacientes e encaminhá-los para o tratamento adequado”, disse a superintendente de atenção primária, Cinthia Brasil.

Todas as unidades básicas de saúde da prefeitura disponibilizam de preservativos masculino e feminino e teste rápido para diagnostico das IST´s. Quando positivo para HIV, o paciente é encaminhado para o tratamento específico.

A Saúde municipal destaca a importância de os pacientes manterem o tratamento, uma vez que a doença não tem cura, mas pode ser controlada com medicamentos disponíveis nas unidades de saúde.

Envie sua sugestão de pauta para o Blog

Conversar no WhatsApp

#BoaVista #SaúdePública #Aids #PolíticaemRoraima #DezembroVermelho #ServiçõsPúblicos

Está gostando do nosso conteúdo? Compartilhe nas suas redes!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
LUIZ VALÉRIO
LUIZ VALÉRIO

Jornalista e Podcaster. Este Blog, que edito há 18 anos, é uma singela contribuição para a sociedade. É uma espécie de "jornal pessoal" por onde tento provocar o debate sobre assuntos inadiáveis para Roraima e para o Brasil. Também edito o Podcast Direto ao Ponto, que vai ao ar todas as semanas e você também pode ouvir aqui.

Todos os posts

Posts recentes: