Caer participa de conferência sobre saneamento para refugiados

Presidente da caer James Serrador
Serrador é um dos painelistas convidados para tratar de temas que envolvem saneamento básico para os refugiados venezuelanos

O presidente da Caer (Companhia de Águas e Esgotos de Roraima), James Serrador, representará o Brasil na Videoconferência Internacional organizada pelo Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância). O evento será online, pela plataforma Zoom, nesta quarta-feira, 12, a partir das 8 horas, com o tema “Desenvolvimento Humanitário para Venezuelanos: Unindo Políticas, Saneamento e Higiene”.

Serrador é um dos painelistas convidados para tratar de temas que envolvem saneamento básico para os refugiados venezuelanos, além dos investimentos e ações ambientais que a Caer vem realizando desde 2019 para a Operação Acolhida, em Roraima.

“Atender a esse convite mostra o reconhecimento e valorização do trabalho desenvolvido pelo Governo de Roraima para atender aos migrantes”.

O governador de Antonio Denarium explicou que o governo atua de forma direta na ajuda humanitária.

“Sabemos que Roraima é a porta de entrada para refugiados vindos da Venezuela e a Caer, como uma empresa de saneamento, contribui com o fornecimento de água potável, no tratamento de esgoto, ações de educação ambiental e campanhas educativas em todos os abrigos atendidos”, explicou Antonio.

Os cursos e oficinas fornecidas pela companhia capacitam os abrigados e monitores. Sob a orientação dos técnicos da Caer, consertam vazamentos e recebem conhecimento básico sobre as normas técnicas referentes ao sistema de distribuição de água e ferramentas adequadas para cada tipo de manutenção.

“É uma forma de proporcionar aos venezuelanos uma oportunidade de atuarem como prestadores de serviços de manutenção hidráulica na comunidade, contribuindo para o processo de geração de renda, bem como de promoção do desenvolvimento econômico local”, disse James.

A Caer vem realizando essas ações desde 2019 em parceria do Comitê Wash (Grupo de Trabalho ligado à Operação Acolhida) nos 11 abrigos de Boa Vista, assim como no município de Pacaraima. Entre as principais ações estão a expansão da rede para levar água potável para as unidades que atendem aos refugiados e a perfuração de poços artesianos para aumentar o volume de água tratada.

As ações dos programas socioambientais da companhia têm o objetivo de mobilizar, sensibilizar e conscientizar os abrigados, desenvolvendo ações ligadas à água e ao saneamento, ofertando capacitações em sustentabilidade da água e palestras ambientais para conter o desperdício ou mal uso da água tratada.

Está gostando do nosso conteúdo? Compartilhe nas suas redes!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
LUIZ VALÉRIO
LUIZ VALÉRIO

Jornalista e Podcaster. Este Blog, que edito há 18 anos, é uma singela contribuição para a sociedade. É uma espécie de "jornal pessoal" por onde tento provocar o debate sobre assuntos inadiáveis para Roraima e para o Brasil. Também edito o Podcast Direto ao Ponto, que vai ao ar todas as semanas e você também pode ouvir aqui.

Todos os posts

Posts recentes: