Senado aprova ajuda para estados e municípios. Roraima vai receber R$ 216 milhões

sessãosendoaprova

O Plenário do Senado Federal aprovou nesta quarta-feira (6 de maio) o novo texto para o PLP 39/2020, acatando parte das mudanças propostas pela Câmara dos Deputados. O projeto que cria o Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavírus segue para sanção presidencial.

Mecias quer urgência em votação de proposta que prorroga dívida de agricultor familiar

senador mecias de jesis

O senador Mecias de Jesus (Republicanos-RR) pediu que o Senado vote com urgência um projeto de lei de autoria dele que prorroga por pelo menos um ano o vencimento das operações de crédito rural de agricultores familiares (PL 1.543/2020). O apelo foi feito durante sessão deliberativa remota dessa sexta-feira (24).

Bolsonaro X Mandetta, Maia e Alcolumbre. A briga pelo poder na Capital Federal

mandetta e rodrigo maia

Está em andamento em Brasília uma verdadeira “guerra fria” pelo poder político no Brasil. Essa disputa perigosa envolve personagens de peso como o presidente Jair Bolsonaro, os presidentes da Câmara e do Senado, Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, e o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta. Principal estrela do DEM no momento, Mandetta já está sendo trabalhado para, quem sabe, ser o adversário de Bolsonaro em 2022. Assim, os democratas esperam conquistar o protagonismo político de outrora.

Congresso inicia ano legislativo com 27 MPs na fila para análise, uma delas de interesse de Roraima

abertura_do_ano_legislativo_no_congresso_nacional

No pacote de MPs que vai mobilizar o início do ano legislativo no Congresso estão a MP 897/2019 que trata de crédito rural e a 901/2019, que transfere terras da União para Amapá e Roraima. As duas propostas estão em estágio de análise avançado. Elas já foram aprovadas pelas suas comissões mistas e agora aguardam análise dos deputados.

Bolsonaro alimenta voracidade de partidos por dinheiro público para campanha eleitoral

jair-bolsonaro-sanciona-loa-com-2-bilhoes-para-partidos

Os partidos políticos do Brasil têm uma fome voraz por dinheiro e os últimos governos, barganhando a governabilidade no chamado presidencialismo de coalizão têm cedido a esse apetite sem limites. Mesmo tendo feito campanha afirmando que implantaria uma nova política no país, o presidente Jair Bolsonaro continua fazendo o jogo dos partidos. Ele sancionou sem vetos a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2020, destinando R$ 2 bilhões para o financiamento de campanhas eleitorais.

Lula está livre. Viva o país da impunidade!

Lula já está solto. E muitos outros criminosos e delinquentes da política como ele vão ganhar a liberdade. Um deles, outro petista acusado de corrupção, José Dirceu, também já foi libertado no Paraná. Advogados de empresários multimilionários acusados de financiar os esquemas de corrupção desvendados pela Laja Jato entraram com pedido de soltura. A corja toda está em festa.

Magnólia destaca mudança de nome e de identidade visual do Republicanos

A mudança de nome e de logomarca do partido Republicanos, anteriormente chamado de PRB, foi o tema do discurso da vereadora Magnólia Rocha na tribuna da Câmara Municipal de Boa …

Leia maisMagnólia destaca mudança de nome e de identidade visual do Republicanos

Hiran defende proibição de cobrança de tarifas em contas de benefícios de Programas Sociais

O deputado Hiran Gonçalves (Progressistas-RR) emitiu parecer favorável à aprovação da proposta, cujo objetivo é proibir a cobrança de quaisquer tarifas nas contas bancárias utilizadas para recebimento de benefícios pagos em decorrência de inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cadúnico).

PF prende quatro suspeitos de invadir celular do ministro Sergio Moro

Quatro suspeitos de invadir o celular o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, foram presos pela Polícia Federal na Operação spoofing, deflagrada na manhã de hoje (23 de julho) com o objetivo de desarticular organização criminosa que praticava crimes cibernéticos.

Prazo para requerer retorno ao Simples Nacional termina dia 15 de julho

Termina no dia 15 de julho o prazo para que as micro e pequenas empresas (MPE) excluídas do Simples Nacional possam requerer o retorno ao sistema. Uma Resolução do Comitê Gestor do Simples Nacional (SGSN), publicada do dia 3 de julho, pemite aos proprietários de pequenos negócios possam retornar ao Simples Nacional desde que tenham sido excluídos do sistema em 1º de janeiro de 2018.

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Send this to a friend