Com apoio do PSL, Idázio diz contar com o voto de 13 vereadores para a presidência da Câmara

Vereador do MDB diz que Câmara Municipal não pode ser fator de atraso para Boa Vista, como já foi no passado

A declaração do apoio dos dois vereadores PSL à candidatura de Idázio da Perfil para a presidência da Câmara Municipal de Boa Vista elevou para 13 o número de parlamentares eleitos e reeleitos em 15 de novembro, que abraçaram a causa. Estas são as contas feitas pelo próprio Idázio, que disse continuar o trabalho de articulação em busca de mais votos.

Ex-crítico da prefeita Teresa convertido à cartilha do MDB, Idázio disse ser preciso eleger uma Mesa Diretora que, ao mesmo tempo em que mantém a independência Poder Legislativo municipal, seja colaborativa com as pautas positivas do Executivo.

Em determinado momento da coletiva à imprensa, Idázio disse que “não se pode permitir mais que a Câmara de Vereadores seja um motivo de atraso para o desenvolvimento da cidade, em vez de colaborar com a gestão, como já aconteceu no passado.

Inquirido a explicar sua fala, ele justificou que a Câmara já passou por momentos difíceis “há uns oito anos atrás (sic), onde teve muitas repercussões negativas de vereadores com problemas em mídias nacionais”.

Idázio disse que o poder evoluiu muito nos últimos quatro anos se constituindo “numa Câmara de paz onde tudo ficou pacificado” e os vereadores trabalharam em consonância com o Executivo. “Só quem lucrou foi a sociedade”, afirmou. “E nós queremos dar continuidade a esse trabalho de soma do Executivo com o Legislativo”, afirmou.

Envie sua sugestão de pauta para o Blog

Conversar no WhatsApp

#BoaVista #CâmaradeBoaVista #AntônioNicoletti #CâmaraMunicipaldeBoaVista #VereadoresdeBoaVista

Está gostando do nosso conteúdo? Compartilhe nas suas redes!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
LUIZ VALÉRIO
LUIZ VALÉRIO

Jornalista e Podcaster. Este Blog, que edito há 18 anos, é uma singela contribuição para a sociedade. É uma espécie de "jornal pessoal" por onde tento provocar o debate sobre assuntos inadiáveis para Roraima e para o Brasil. Também edito o Podcast Direto ao Ponto, que vai ao ar todas as semanas e você também pode ouvir aqui.

Todos os posts

Posts recentes: