Desembargador do DF proíbe Polícia Federal de divulgar informações sobre operações em Roraima

A Superintendência da Polícia Federal em Roraima realizou duas operações no estado, sendo uma na manhã de terça-feira (2) e outra nesta quarta-feira (3 de março), mas a imprensa não obteve as informações necessárias para cobrir os dois casos de forma profissional, como sempre fez. O motivo da omissão de informações pela PF foi a proibição imposta pelo desembargador Olindo Menezes, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), de que fosse repassada à imprensa quaisquer informações a respeito das ações.

O Blog apurou que a imposição de censura à Polícia Federal aqui no estado causou grande desconforto nos agentes federais e delegados que estão destacados para exercer suas funções em Roraima, entre eles o superintende da corporação Marcos Ronki.

Os policiais ficaram numa saia justa, diante da cobrança da imprensa por informações e da impossibilidade de repassar os dados necessários sobre o cumprimento dos mandados de busca e apreensão e de prisão (se é que houve). Sabe-se que um dos alvos da operação desencadeada nesta quarta-feira foi um vereador de Alto Alegre. Não se tem mais informações a respeito.

A questão é que nenhum veículo de comunicação roraimense conseguiu noticiar as duas operações de maneira satisfatória para seus ouvintes, leitores e telespectadores porque um integrante do Judiciário radicado no Distrito Federal, que nada conhece do contexto local, decidiu interferir na livre circulação de informação, impondo censura a uma instituição séria como a PF.

A esse respeito, a Superintendência da Polícia Federal em Roraima emitiu agora há pouco a nota que segue abaixo, na íntegra:

“Em atenção à solicitação por maiores esclarecimentos, informamos que a determinação judicial exarada pelo Tribunal Federal Regional da primeira região veda toda publicidade (rádio, jornal, televisão e internet) quanto à execução dos mandados, bem como qualquer entrevista de autoridades policiais e executores das medidas a respeito do assunto, pelo qual não haverá os esclarecimentos ordinários de praxe à imprensa”.

Envie sua sugestão de pauta para o Blog luiz.valerio.silva@gmail.com | WhatsApp (95) 99135-8957

Está gostando do nosso conteúdo? Compartilhe nas suas redes!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
LUIZ VALÉRIO
LUIZ VALÉRIO

Jornalista e Podcaster. Este Blog, que edito há 18 anos, é uma singela contribuição para a sociedade. É uma espécie de "jornal pessoal" por onde tento provocar o debate sobre assuntos inadiáveis para Roraima e para o Brasil. Também edito o Podcast Direto ao Ponto, que vai ao ar todas as semanas e você também pode ouvir aqui.

Todos os posts

Posts recentes: