Ministério Público pede prisão de homem acusado de promover festa clandestina em Boa Vista

O Ministério Público do Estado de Roraima (MPRR) pediu a prisão preventiva de um homem suspeito de promover uma festa clandestina, no bairro Silvio Botelho, em Boa Vista.

O evento ocorreu na noite desta quarta-feira, 28 de abril. A Polícia Militar foi acionada por um morador da rua onde acontecia a festa. De acordo com os policiais, cerca de 126 pessoas, entre adultos, adolescentes e crianças, estavam aglomerados no local conhecido como “Espaço Alpha”. Também foram encontradas porções de maconha e cocaína, além de garrafas de bebidas alcoólicas.

Em depoimento, o dono do estabelecimento, que foi preso em flagrante pela polícia, disse que alugou o espaço para a festa de aniversário de um casal.

Durante a audiência de custódia, na manhã desta quinta-feira (29), o Promotor de Justiça, Raphael Talles, pediu a prisão preventiva do suspeito por infringir determinação do poder público destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa (Artigo 268 do Código Penal) no contexto da pandemia. 

O acusado também responderá judicialmente por vender, fornecer, servir, ministrar ou entregar, ainda que gratuitamente, de qualquer forma, à criança ou adolescente, bebida alcoólica ou, sem justa causa, outros produtos cujas substâncias possam causar dependência física ou psíquica (Artigo 243 do ECA). Como foram encontrados dois tipos de droga no espaço, o homem será investigado sobre eventual tráfico de drogas (art. 33 da Lei 11.343).

“Mesmo com o país em vias de atingir 400.000 mortes por COVID, constata-se um caso de total indiferença às normas para a contenção ao Coronavírus somado ao descaso com crianças e adolescentes. Por haver uma exploração comercial naquele local, destinado para festas e eventos, foi necessária a prisão preventiva para evitar que fatos como esse, sem qualquer respeito à saúde pública e aos cuidados com crianças e adolescentes, voltem a ocorrer”, ressaltou o Promotor.

A juíza que analisou o caso atendeu ao parecer do Ministério Público e converteu a prisão em flagrante para prisão preventiva do dono do espaço. Ele foi encaminhado ao sistema prisional do estado.

Está gostando do nosso conteúdo? Compartilhe nas suas redes!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
LUIZ VALÉRIO
LUIZ VALÉRIO

Jornalista e Podcaster. Este Blog, que edito há 18 anos, é uma singela contribuição para a sociedade. É uma espécie de "jornal pessoal" por onde tento provocar o debate sobre assuntos inadiáveis para Roraima e para o Brasil. Também edito o Podcast Direto ao Ponto, que vai ao ar todas as semanas e você também pode ouvir aqui.

Todos os posts

Posts recentes: