Nova operação da Polícia Federal desarticula desvio de recursos públicos em Roraima

ANÚNCIO PMBV JULHO 2

Esta sexta-feira (14 de dezembro) amanheceu movimentada pelo desencadeamento, pela Polícia Federal, da Operação Zaragata, que investiga desvios de recursos do transporte escolar e pagamento de propina. Dez mandados de prisão e 12 de busca e apreensão estão sendo cumpridos em Boa Vista.

De acordo com as investigações da PF, enquanto estudantes na capital e no interior ficavam sem transporte, empresas recebiam diversas vezes pelo mesmo contrato sem necessariamente prestar o serviço. Os envolvidos no esquema falsificavam documentos e contratos.

Num único contrato de R$ 78 milhões foram identificados pagamentos irregulares em torno de R$ 50 milhões. Há casos de empresas que eram contratadas para fazer uma rota já executada por outra firma, apenas como forma de desviar recursos.

Ainda conforme a PF, as empresas participantes do esquema pagavam propina de 15% do valor das faturas para ter o pagamento liberado pelo governo.

As investigações que resultaram na Operação Zaragata começaram em agosto e contaram com a participação dos ministérios públicos Estadual e Federal e da Controladoria Geral da União (CGU).

Curiosamente, faz mais de um mês que dezenas de ônibus e outros carros de empresas terceirizadas de transporte escolar estão parados na Praça do Centro Cívico, em frente ao Palácio Senador Hélio Campos, em Boa Vista, cobrando o pagamento do transporte escolar.

Enquanto isso, 30 mil alunos ficaram prejudicados pela falta de transporte e com o adiamento do fechamento do ano letivo de 2018 para 2019.

Leave your vote

Comentários

0 Comentários

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Send this to a friend