Roraima deixa de receber recurso do PNAE e governo banca merenda escolar com recursos próprios

ANÚNCIO PMBV JULHO 2

A corrupção no setor da Educação em Roraima nas gestões passadas resultou em grande prejuízo para os estudantes da rede pública estadual. Em decorrência dos desmandos, por exemplo, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) não tem repassado ao governo os recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

A punição é decorrente da falta de prestação de contas dos recursos recebidos nos anos anteriores ou de desvios. Assim, o Governo do Estado está pagando com recursos próprios a despesa decorrente da aquisição dos produtos destinados à merenda que tem chegado às escolas.

Para tanto, foi fechado um convênio com as cooperativas Cooperhorta e Coopercinco para o fornecimento dos produtos da merenda escolar. O contrato soma mais de R$ 14 milhões, dinheiro que fica com os pequenos produtores rurais ligados a essas cooperativas.

O governador Antônio Denarium disse ao blog que pretende fomentar, tanto quanto possível, a agricultura familiar em Roraima. “Nós estamos combatendo severamente a corrupção em todas as áreas da administração e investido em setores que geram emprego e renda”, afirmou.


As escolas de Boa Vista estão sendo abastecidas com os itens para o preparo da merenda escolar entregues por cooperativas

Leave your vote

Comentários

0 Comentários

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Send this to a friend