Roraima registra maior queda nas vendas do varejo desde janeiro de 2000

ANÚNCIO PMBV JULHO 3

A Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) divulgada nesta terça-feira (16 de junho) mostra que o comércio varejista de Roraima recuou 18,0% em abril deste ano frente ao mesmo mês de 2019. Esta foi a queda mais acentuada da série histórica iniciada em janeiro de 2000, refletindo os efeitos do isolamento social.

Na série com ajuste sazonal, em relação a abril de 2019, o comércio varejista caiu 8,9%. Já no acumulado dos últimos 12 meses, a queda foi 4,0%.

De acordo com a pesquisa, o comércio varejista ampliado, que inclui veículos, motos, partes e peças e de material de construção, recuou 16,5% em relação a abril de 2019. A queda é recorde da série histórica em Roraima, iniciada em janeiro de 2004.

Já na série com ajuste sazonal, em relação a abril de 2019, o comércio varejista caiu 4,9%. No acumulado dos últimos 12 meses, o recuo foi de 4,3%.

A retração de 18,0% no volume de vendas no varejo e de 16,5% para o comércio varejista ampliado em Roraima, em abril de 2020, foram as reduções mais intensas das séries históricas, e intensificam o cenário de queda generalizada nos indicadores por conta da pandemia.

No período de março a abril de 2020, na série com ajuste sazonal, houve queda nas vendas do varejo em todas as 27 unidades da Federação, com destaque para Amapá (33,7%), Rondônia (21,8%) e Ceará (20,2%).

Para a mesma comparação, no comércio varejista ampliado, a variação negativa também se deu nas 27 unidades da Federação, com destaque para Amapá (31,6%), Espírito Santo (23,4%) e São Paulo (23,3%).

Leave your vote

Comentários

0 Comentários

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Send this to a friend