Secretária de Saúde de Alto Alegre fura fila de vacinação contra a Covid-19 e pode ser exonerada

O Ministério Público do Estado de Roraima (MPRR) expediu Recomendação, na manhã desta segunda-feira, 25 de janeiro, ao prefeito do Município de Alto Alegre, a 73 km de Boa Vista, para que exonere imediatamente, a secretária adjunta de saúde, Danyele Santos Negreiros.

De acordo com a Recomendação expedida pela Promotoria de Justiça da Comarca de Alto Alegre, a atual secretária violou os princípios da legalidade, moralidade e eficiência ao se valer do cargo e do vínculo de afeto com atual gestor do Município para ser imunizada, mesmo ciente da condição de estar fora da linha de frente do enfrentamento e exposição ao risco de contrair a Covid-19.

A apuração do MPRR constatou ainda, que a auxiliar técnica de cirurgião dentista, vinculada à uma clínica privada, Denise Gomes Bandeira, também recebeu uma dose do imunizante, mesmo sem fazer parte da lista do grupo prioritário para tomar a vacina.

O Promotor de Justiça Paulo André Trindade afirmou que desviar da ordem especial de prioridade da vacinação constitui ato imoral e de improbidade administrativa.

“É necessário que seja respeitado o interesse público sobre o interesse privado e, sobretudo, que haja transparência dos atos administrativos em relação às pessoas que serão imunizadas em caráter de prioridade diante desse momento de crise sanitária”, ressaltou o Promotor de Justiça.

No documento, o MPRR requer ainda que o Prefeito e o Secretário de Saúde suspendam a execução do processo de imunização contra a Covid-19 em Alto Alegre, promovam a transparência e correção no plano de vacinação e, em 48 horas, retomem a aplicação das vacinas, seguindo irrestritamente o Plano Nacional de Imunização. Os responsáveis também devem se abster de fornecer a segunda dose do imunizante para a Daniele Negreiros e Denise Bandeira.

Ainda segundo a notificação, o prefeito do município deverá encaminhar, no prazo de 24 horas, à Promotoria de Justiça da Comarca de Alto Alegre, a lista nominal e funções efetivamente desempenhadas pelas pessoas imunizadas.

O Ministério Público poderá adotar as providências legais necessárias, a fim de assegurar que as medidas recomendadas sejam cumpridas.

Com informações do Ministério Público de Roraima

E por falar em podcast, meu caro leitor-ouvinte, eu acabei de lançar na Amazon.com.br meu livro A explosão do podcast. Olha, modéstia à parte, a obra ficou bem interessante. É um livro-guia que ensina tudo o que você precisa saber para criar um podcast de sucesso.

A obra, no entanto, vai além, mostra a você todo o potencial que a mídia podcast tem para alavancar sua carreira pessoal e/ou profissional, assim como o seu negócio. Confere lá na minha Página de Autor na Amazon, considere comprar a obra, vai. 😁😁😁

Está gostando do nosso conteúdo? Compartilhe nas suas redes!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
LUIZ VALÉRIO
LUIZ VALÉRIO

Jornalista e Podcaster. Este Blog, que edito há 18 anos, é uma singela contribuição para a sociedade. É uma espécie de "jornal pessoal" por onde tento provocar o debate sobre assuntos inadiáveis para Roraima e para o Brasil. Também edito o Podcast Direto ao Ponto, que vai ao ar todas as semanas e você também pode ouvir aqui.

Todos os posts

Posts recentes: