Senado cria CPI da covid-19 para investigar possível desvios de recursos

Plenário do Senado Federal durante sessão deliberativa ordinária semipresencial.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, do Democratas, leu nessa terça-feira (13), em plenário, o ato de criação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as ações do governo federal no enfrentamento da pandemia de coronavírus e do colapso da saúde no Amazonas, requerido pelo senador Randolfe Rodrigues, do partido Rede .

Também foi lido o requerimento do senador Eduardo Girão, do Podemos, para incluir nas atribuições da CPI a investigação de denúncias de fraudes e desvios de recursos repassados pelo governo federal a estados e municípios.

Rodrigo Pacheco destacou que a CPI terá limites para investigar prefeitos e governadores.

Na semana passada, o ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso concedeu uma decisão liminar aos senadores Alessandro Vieira e Jorge Kajuru, os dois do Cidadania, reconhecendo que o pedido de criação da CPI feito pelo senador Randolfe Rodrigues estava de acordo com a Constituição e que a comissão deveria ser instalada.

Após essa decisão, o Senado incluiu o tema na pauta dessa terça-feira. Já o plenário do Supremo deve julgar esse assunto nesta quarta.

A leitura dos requerimentos de criação da CPI da covid em plenário é formalmente o primeiro passo. O próximo é a instalação da comissão, com a definição do presidente, do relator e dos integrantes do colegiado, o que deve ocorrer em até 10 dias.

A meta dos senadores é concluir os trabalhos da CPI em 90 dias.

Fonte: Agência Brasil

Está gostando do nosso conteúdo? Compartilhe nas suas redes!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on pinterest
Pinterest
LUIZ VALÉRIO
LUIZ VALÉRIO

Jornalista e Podcaster. Este Blog, que edito há 18 anos, é uma singela contribuição para a sociedade. É uma espécie de "jornal pessoal" por onde tento provocar o debate sobre assuntos inadiáveis para Roraima e para o Brasil. Também edito o Podcast Direto ao Ponto, que vai ao ar todas as semanas e você também pode ouvir aqui.

Todos os posts

Posts recentes: