quinta-feira , fevereiro 20 2020
Início / Blog do Luiz Valério / Tráfico internacional de armas é alvo de operação da Polícia Federal em Roraima
superintendência-da-pf-em-roraima
Agentes da Polícia Federal cumpriram um mandado de busca e apreensão na cidade fronteiriça de Pacaraima

Tráfico internacional de armas é alvo de operação da Polícia Federal em Roraima

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (6 de fevereiro) a Operação Caribe Restrito, com o objetivo apurar suspeitas referentes ao tráfico internacional de armas que abasteceria o crime organizado no Amazonas e em Roraima.

Nesta manhã foi cumprido um mandado de busca e apreensão no município da Pacaraima/RR, fronteira do Brasil com a Venezuela, expedido pela 1ª Vara Federal de Roraima após representação da Autoridade Policial.

Segundo a Assessoria de Comunicação da PF, no endereço das buscas funcionaria um bar onde, segundo as investigações, teria um acesso lateral que seria utilizado como residência e base para negociações de armas de fogo com origem no país vizinho pelo filho do proprietário.

O suspeito pertenceria a uma facção criminosa e seria o responsável por parte do fornecimento de armas ao braço da organização que atuaria no Amazonas e em Roraima.

O nome da operação faz referência à provável origem dos armamentos e aos calibres utilizados comumente pelos criminosos.

Leave your vote

0 Reviews

Write a Review

Comentários

0 Comentários

Sobre Luiz Valério

Sou Luiz Valério. Cearense nascido em Juazeiro do Norte, no Cariri cearense. Tenho formação em Letras, curso Comunicação Social e atuo como professor e jornalista há 24 anos. Sou Pós-graduado em Comunicação Social, Assessoria de Imprensa e Novas Tecnologias. Atualmente faço uma Pós-graduação em Marketing Digital. Mantenho este blog há 16 anos.

Confira também

sergio moro congresso mp

‘Justiça não deve tolerar indivíduos corruptos poderosos em cargos elevados’, diz Moro

Em seu discurso Sérgio Moro afirmou que os casos de indivíduos corruptos poderosos que ocupam cargos elevados não devem ser tolerados. “É uma afronta institucional à nossa sociedade e à nossa democracia”, afirmou. A fala de Moro pareceu um recado para os magistrados roraimenses.

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Send this to a friend