Visita técnica avalia condições das rodovias na região Norte

A Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia da Câmara dos Deputados finalizou, nesta quinta-feira (29), visita técnica aos trechos das rodovias 319 e 230, que são importantes eixos de integração na região Norte.

A visita teve o propósito de averiguar as condições de trafegabilidade, além de reunir dados sobre as vias de ligação do prolongamento da BR-156, que corta a região, atendendo a requerimento do deputado Remídio Monai (PR-RR).

O parlamentar é um dos principais defensores, na Câmara dos Deputados, da interligação dos trechos rodoviários entre os estados da Amazônia e relator do estudo do Arco Norte, que prevê a consolidação de novos eixos logísticos para o Brasil, através dos estados da região.

A diligência foi dividida em duas etapas. A primeira iniciou no dia 25 de novembro a partir da cidade de Santarém (PA), onde foram percorridos mais de 1100 quilômetros pela rodovia 230, até o município de Imperatriz (MA).

Para o autor do requerimento, deputado Remídio, a pretensão foi reunir elementos necessários que embasem o estudo de interligação entre os Estados da Amazônia legal, visto que a região de influência da rodovia possui grande potencial para exploração econômica sustentável e para o turismo, atividades que seriam viabilizadas pela ligação rodoviária.

“A intenção é analisar in loco a viabilidade socioeconômica das obras de interligação, recuperação e pavimentação das rodovias 319, 230 e 210.”

Entre os dias 27 e 29, foi realizado o trajeto da BR-319 que liga Manaus (AM) a Humaitá (AM) pela BR 319, completando a rota pela rodovia 230 de Lábrea (AM), Apuí (AM) até Itaituba (AM), totalizando mais de mil quilômetros.

O deputado Remídio Monai ressalta os entraves para a concretização da política de integração na região Amazônica e a dificuldade de se encontrar o equilíbrio entre a realização de obras de infraestrutura, com a promoção e valorização da diversidade sociocultural e ecológica.

“O nosso objetivo é promover o desenvolvimento sustentável, com valorização da diversidade sociocultural e ecológica e redução das desigualdades regionais.

Diversas pequenas cidades podem ser conectadas entre si por via rodoviária para dinamizar as atividades públicas e privadas; permitir acessibilidade às instituições pouco atuantes na região. A abertura de rodovias significa garantir o acesso das populações amazônicas aos hospitais, bancos, instituições de ensino”, destacou o parlamentar. 

Com informações da Assessoria de Comunicação do parlamentar

Leave your vote

Comentários

0 Comentários

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Send this to a friend